Para Quem Canta e
Para Quem Gostaria de Cantar

Existem, espalhadas por aí, muitas pessoas com talentos escondidos, muitas das quais sequer sabem que têm algum potencial. Isso é muito comum no que diz respeito á música. Dirijo música na igreja desde a minha adolescência e tive a oportunidade de dar um "empurrãozinho" em muitos irmãos que nunca haviam pensado em cantar. O fato é que existem mais talentos desperdiçados na igreja do que a maioria pode sequer imaginar.

Você já ouviu falar em "cantor de chuveiro" ou "de banheiro"? Parece assunto de piada, mas, é uma coisa que existe. Muitas pessoas têm possibilidade para fazer trabalhos excelentes na área da música, mas não sabem sequer como se prepararem para isso, e os possíveis talentos acabam ficando para as horas em que não tenha ninguém por perto.

Existem também pessoas que chegam a pensar em cantar e até tentam fazê-lo, mas, como não obtêm, por algum motivo, os resultados que esperavam, desistem, como se parar fosse o melhor a fazer e livrasse a igreja de "sofrimentos desnecessários".

Lamentavelmente, existem ainda alguns outros casos nos quais a culpa recai sobre o dirigente de música. Por não ter experiência suficiente ou boa vontade para ajudar o irmão que está interessado em cantar, desencoraja-o, dando a entender que "nem todos nasceram para cantar". Eu fico me perguntado se foi por não ter o que fazer que Ellen White escreveu: "Deve haver muito mais interesse na cultura da voz do que é agora em geral manifestado. ... Tomem todos tempo para cultivar a voz, de maneira que o louvor de DEUS seja entoado em tons claros, suaves, sem asperezas e estridências que ofendam ao ouvido. A aptidão de cantar é dom de DEUS; seja ele usado para glória Sua." Evangelismo págs. 504 e 505 (grifo nosso). Será que esse texto deve ser levado a sério? Muitos agem como se o canto fosse algo reservado apenas para alguns poucos privilegiados. Estranho, não é? Para que, então, Ellen White teria escrito o texto que mencionamos?

A grande maioria das pessoas que consegue falar, se quiser realmente, também poderá cantar. Algumas pessoas nascem com uma certa inclinação para a música e o canto e com habilidades que as favorecem nesse sentido, assim como outras nascem com habilidades especiais para o raciocínio e para a matemática. Mas, a verdade é que aquelas pessoas que não se dão muito bem com a matemática também conseguem aprender a tabuada, desde que estudem, desde que se esforcem. O mesmo se dá com a música e o canto. Alguns se desenvolvem com mais facilidade, outros não. Existem ainda aquelas pessoas que têm uma tremenda dificuldade até para "pegar" uma única nota musical. Mas isso não quer dizer que essas pessoas nunca poderão cantar; só quer dizer que elas terão que se esforçar mais. Elas precisarão de atenção especial e de esforço especial, mas, se pagarem o preço da dedicação e se esforçarem o bastante, os resultados virão, embora não sejam instantâneos. De fato, os resultados poderão mesmo ser surpreendentes.

Lembro-me de alguns casos com os quais trabalhei, casos de pessoas que, à primeira vista, não teriam a menor chance de cantar. Tive o prazer de ver, depois de muito trabalho, é claro, essas pessoas cantando tão bem que alguns colegas, mesmo professores de música, me perguntaram o que tinha sido feito, pois aqueles resultados antes pareciam impossíveis de serem alcançados. Para falar a verdade, tem CD circulando por aí cujos apreciadores não acreditariam que quem está cantando é a mesma pessoa se a tivessem ouvido antes.

A primeira coisa que uma pessoa precisa para cantar é ter vontade: se não tiver nenhum interesse dificilmente dará certo. A segunda coisa é saber qual o alcance de sua voz, ou seja que voz canta. Nos vídeos Aprendendo Música e Canto>, encontrados em nossa Loja Virtual, há um teste bem prático que ajuda muito a descobrir isso. Aqui também, no site, há alguns testes que, embora bem mais simplificados, ajudarão a chegar ao mesmo objetivo.

Clique aqui se desejar fazer o teste de voz agora mesmo


A partir daí é preciso levar três coisas em consideração:

A primeira é o fato de que ninguém nasceu sabendo nada, a não ser ter propensão para o pecado (Salmo 51:5). Você conhece alguém que nasceu falando, ao menos? Quanto tempo uma criança demora para falar "mamãe"? E depois disso, quanto tempo mais demora para articular as palavras perfeitamente, para conversar direito? E será que é só isso, será que acabou? Não! A pessoa ainda vai ter muito trabalho para falar corretamente e vai demorar anos para conjugar os verbos ou utilizar os pronomes adequadamente, não é? Quem sofreu para tirar boas notas em português, na escola, que o diga!

O engraçado (se não fosse trágico) é que algumas pessoas, aparentemente, acham que aprender a cantar é mais fácil que aprender a falar! Tem gente que age como se achasse que é só tentar e já tem que estar pronto para cantar um solo num congresso ou "não tem dom para a música". As pessoas têm cada idéia!!! Quando será que as pessoas vão colocar na cabeça que cantar deve dar mais trabalho do que falar? Além das palavras tem as notas musicais, tem o ritmo... Seria mais produtivo se as pessoas colocassem na cabeça o seguinte: "eu levei entre nove meses e um ano para começar a falar e, antes de conseguir, 'treinava' todos os dias (vai dizer que não é verdade?!?!). Para cantar eu vou treinar todos os dias e, quem sabe, daqui a uns nove meses ou um ano vou estar cantando, ao menos uma musiquinha para a 'mamãe'".

Tá bom! Eu sei que é exagero! Mas, se as pessoas pensassem assim, não estariam tão prontas a desistir, exigindo resultados imediatos de si mesmas. Agora, se você continua achando que "tem" que conseguir cantar em menos tempo do que levou para aprender a tabuada, é preferível que você adote a "filosofia exagerada" mesmo (a de demorar um ano para começar a cantar bem), assim terá mais chances de não desistir.

A segunda coisa a seu considerada é que cada voz tem seu próprio alcance. Por exemplo: Não adianta uma pessoa que tem voz grave querer obter um bom resultado cantando com um play-back para vozes agudas ou vice versa. A pessoa que tenta tal coisa deveria se sentir agradecida se "escapar" sem passar vergonha. Muitas pessoas se decepcionaram com os resultados e acabaram achando que não servem para cantar; tudo por causa de começarem da maneira errada. Respeite os limites de sua voz; cante dentro do seu alcance vocal e os resultados serão bem melhores.

A terceira coisa a se levar em conta é que "quem não treina fica destreinado". Eu sei que a frase é ridícula, tão ridícula quanto dizer "subir para cima", mas a ironia é para que você não se esqueça de que mais ridículo ainda é uma pessoa que não cuida da voz achar que canta bem. Ela até pode acreditar nisso, mas talvez as pessoas que estão ouvindo não tenham a mesma opinião... Quer conferir? Pegue um gravador pequeno e grave a sua própria voz cantando, sem play-back nem nada. Ouça o resultado e diga-me se já esta "no ponto" para gravar um CD! Mas, cuidado! Não vá se assustar e desistir!!! O objetivo é você saber que precisa praticar e, se houver esforço o suficiente, talvez, em breve, você esteja recebendo convites para cantar onde nunca imaginou.

Você sabia que todo bom pianista tem que praticar todos os dias? Sabia que o motivo de ele tocar tão bem, é justamente esse? Procure o melhor pianista que você conhece e pergunte se praticar diariamente faz alguma diferença. A mesma coisa acontece com os atletas; quem não pratica todos os dias nunca vai conseguir ir para uma olimpíada. Com os bons cantores também é assim; cantor que "presta" canta quase que o tempo todo.

Mas, vamos prosseguir. Depois de ter feito um teste vocal e ter descoberto que voz canta, você vai precisar de materiais para exercitar a voz e play-backs adequados. Em nossa Loja Virtual você encontrará as duas coisas, mas, podemos começar a fazer alguma coisa agora mesmo. Entre em nossa página de aprendizado musical (Aprendendo Música e Canto) e comece seu processo de aprendizagem e treinamento agora mesmo. É apenas o começo, mas já ajuda.

Mas não é só isso: Aqui mesmo você poderá começar a sua "aventura vocal" utilizando os nossos play-backs, que estão em 3 tons diferentes: para vozes agudas (soprano e tenor), para vozes médias (meio-soprano e barítono) e para vozes graves (contralto e baixo). É só clicar nos links abaixo. O primeiro link é para você imprimir a letra da música e o segundo corresponde ao vocal, com o qual você aprenderá a mesma. Os três links seguintes são os dos play-backs, para você ensaiar e cantar. Não se esqueça: cante em seu próprio tom de voz.

Letra da música para imprimir

Vocal para ensaios

Play-back para vozes agudas (soprano e tenor)

Play-back para vozes médias (meio-soprano e barítono)

Play-back para vozes graves (contralto e baixo)


Caso você tenha achado interessante a possibilidade de cantar assim, sem forçar a voz e mantendo-a em boas condições por meio de exercícios adequados, passe em nossa Loja Virtual; lá tem muitas coisas úteis para que quer fazer o melhor em seus louvores e sabe que a igreja não é um bom lugar para "show de calouros" ou para as pessoas se apresentarem precisando dar explicações e pedindo desculpas porque "não ficou muito bom". A série de CDs com "Exercícios Para a Voz", os DVDs, vídeo-CD-Roms e CD-Rom "Aprendendo Música e Canto" e a coleção de play-backs em 3 tons "Para Você Cantar", sem dúvida alguma, serão muito úteis. Procure conhecê-las.

Sucesso e muitas bênçãos para você em suas atividades!